Select Menu

Slider

Travel

Cute

My Place

Racing

» » Os carros com maior consumo de combustível de 2015
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

São Paulo - Os carros mais "beberrões" do mercado podem gerar um gasto anual com combustível quase mil reais superior ao dos modelos mais econômicos do país, segundo dados do Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBEV), do Inmetro. Por isso, se você está procurando um carro novo - e não é muito fã de frequentar postos de gasolina -, esta lista pode ser um importante critério de desempate.Os veículos aqui destacados são aqueles que foram enquadrados no grupo de maior consumo de combustível do PBEV. Nesta 7º edição do levantamento, referente a 2015, foram testados 587 veículos de 36 montadoras. Os carros são classificados em seis grupos, de A a E, de acordo com a eficiência energética do modelo. Assim como ocorre com outros produtos, como geladeiras e televisões, recebem a etiqueta com faixas coloridas A os produtos mais eficientes e a etiqueta E aqueles com maior consumo.Segundo o Inmetro, ao dirigir 40 quilômetros por dia durante um ano com os veículos de etiqueta A a economia com combustível pode chegar a 957 reais em relação aos veículos com etiqueta E. Em cinco anos, a economia sobe para 4,8 mil reais.Navegue pelas fotos e confira os carros de passeio que receberam a etiqueta E no PBEV de 2015, seja na comparação geral, entre carros da mesma categoria, ou em ambos os critérios.Os veículos foram listados de acordo com a categoria e aparecem na seguinte ordem: subcompactos, compactos, médios, grandes, extragrandes, utilitário esportivo compacto, utilitário esportivo grande, fora de estrada, minivan e esportivos. A participação das montadoras nos testes é voluntária. A GM/Chevrolet , por exemplo, optou por ficar de fora dos testes. Para mais informações sobre o levantamento, acesse a tabela completa do Inmetro.
Os veículos que mais consomem combustível, segundo testes realizados pelo InmetroFonte/MSN notícias

Publicado por Jornal OProgresso

As matérias assinadas não expressão a opinião do jornal.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário

Leave a Reply