Select Menu

Slider

Travel

Cute

My Place

Racing

» » Boate oferece sexo 'na faixa' para quem comprar ingresso
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Faixa colocada em frente à casa de prostituição anuncia as atrações com “direito a um programa”

Casa de prostituição, de nome Star Night, que fica rua Albino Gervazoni, no Jardim Paraíso, Zona Norte, causa polêmica em Rio Preto, ao lançar campanha, com faixa exposta na movimentada avenida Domingos Falavina, em que anuncia para sexta e sábado, dias 6 e 7, festas com bebida a vontade e programa com prostituta, para quem pagar o ingresso de R$ 110. A faixa está afixada a 400 metros do prédio da DIG (Delegacia de Investigações Gerais), em um cruzamento com semáforo, o que ajuda na visibilidade.

A foto da polêmica circula há dias pelo WhatsApp e os donos da casa de prostituição também mandaram imprimir panfletos, com a mesma propaganda. A pacote oferecido pode ser pago até com cartões de débito e de crédito. A casa de prostituição é administrada por um casal, marido e mulher. A promoção e a ideia de colocar a faixa na avenida foi da proprietária, que vibrou de alegria ao saber que a propaganda estava se espalhando pelo WhatsApp.

"Ô, delícia. Vai bombar a festa. Vamos ter churrasco e bebida à vontade, além de show de DJ com telão", afirma a proprietária Juciane Augusto de Sá, 39 anos, que comanda a casa junto com o marido Valdecir Rogério Guiaro, 38. Ela diz que o cliente terá direito a sexo com uma prostituta por vez, com duração máxima de 15 minutos. Quem quiser mais tempo, tem de pagar um valor adicional, combinado na hora, diz a mulher.

"Por que se o homem ficar no quarto meia hora, vai formar fila na porta. Na 'faixa' é só o programa de 15 minutos. Ah, se você chegar com dez amigos, como será o 11º cliente, não precisa pagar nada, entendeu?", prometeu a ela, sem saber que falava com um repórter. Os donos dizem que a modelo que faria striptease é integrante do elenco de um site especializado, conhecido na cidade pela exibição de acompanhantes e garotas de programa. "Seremos dez meninas, mas damos conta. Nós não tem preguiça. Serão tudo de alto padrão", dá risada uma das garotas de programa.

A proprietária também anunciou para época do carnaval realizar o 'Carnazona', em promoção nos mesmos moldes da anunciada na faixa. Como a lotação máxima da festa de sexta e sábado, será de 100 pessoas, por noite, os proprietários da casa de prostituição poderão arrecadar R$ 22 mil em dois dias.Fonte/diárioweb notícias

Publicado por Jornal OProgresso

As matérias assinadas não expressão a opinião do jornal.
«
Next
Postagem mais recente
»
Previous
Postagem mais antiga

Nenhum comentário

Leave a Reply